• Jornal Tribuna Online

Empresário suspeito de armazenar vídeos de pornografia infantil é preso em Vinhedo


Empresário suspeito de armazenar vídeos de pornografia infantil é preso em Vinhedo VINHEDO
Foto: Reprodução EPTV.

Na quarta-feira, 22, um empresário de 46 anos foi preso no bairro Caixa d’Água, suspeito de armazenar imagens e vídeos de pornografia infantil em aparelhos eletrônicos. Com ele foram apreendidos um HD, pendrives, além de um celular com quase 200 imagens e vídeos. A prisão aconteceu após apuração da Divisão Especializada de Investigações Criminais (Deic) e Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Campinas; Segundo a polícia, o suspeito chegou a usar o endereço de um vizinho para cadastrar uma conta que usava para praticar os crimes, mas a investigação verificou o cabeamento de fibra e chegou até o imóvel do suspeito.

Após prisão em flagrante, ele foi levado para a cadeia anexa ao 2º Distrito Policial de Campinas, onde permanecia à disposição da Justiça até a publicação.

O Estatuto da Criança e do Adolescente prevê pena de um a quatro anos de prisão, além de multa, para quem é condenado por adquirir, possuir ou armazenar, por qualquer meio, foto, vídeo ou outra forma de registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente.

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo