• Jornal Tribuna Online

Moradores do Campo Belo fazem manifesto para deixarem de pertencer a Campinas e cogitam Vinhedo


Bairro campineiro é cortado pela rodovia Vinhedo – Viracopos. Proposta inclui Vinhedo como “futura sede”. foto: divulgação

Em virtude do descaso e abandono do poder público de Campinas, moradores da região do Jardim Campo Belo (bairro cortado pela Rodovia Miguel Melhado entre Vinhedo e o Aeroporto de Viracopos) pensaram numa solução bastante radical para a situação. Lucas Amaro, morador do Jd. Campo Belo há 15 anos, tomou a iniciativa de fazer um abaixo-assinado propondo a mudança dos bairros da região para a cidade de Indaiatuba. “Prefiro pagar IPTU para Indaiatuba do que para Campinas, se a outra cidade prometer cuidar melhor daqui” – disse Lucas Amaro. “E se o prefeito de Indaiatuba topar, a gente leva o aeroporto junto”. A região engloba os bairros Jd. Campo Belo, Jardim Marisa, Vila Palmeiras e Parque Centenário.

Lucas ressalta que os problemas na localidade são variados. Muitas ruas sem asfalto, falta de equipamentos públicos de lazer, falta de médicos nos postos de saúde e até carência de estrutura de saneamento básico. “Corre um rio de fezes em frente às casas das pessoas. Dá pra admitir um negócio desses em Campinas, uma cidade rica, em pleno século XXI, em frente ao Viracopos, um dos aeroportos mais tops do mundo?”

Segundo Lucas, o abaixo-assinado já conta com aproximadamente 1500 assinaturas e logo estará disponível em uma versão online. O idealizador da proposta está consciente que essa mudança é improvável, mas sustenta a iniciativa como forma de protesto, com o intuito de fazer com que o poder público olhe pela região. “É um jeito de escrachar e chamar a atenção para como essa prefeitura abandonou nosso bairro. O Morada do Sol, que é vizinho aqui, por ser de Indaiatuba, está muito melhor. Lá tem até parque, asfalto, dignidade para pessoas. Na verdade, parece que Campinas é que não quer a gente”.

No caso de Indaiatuba não aceitar, o texto do abaixo-assinado aponta como alternativa a cidade de Vinhedo, Monte-Mor, Valinhos, ou qualquer outra que ofereça melhores condições no processo de anexação.

Independente da mudança para a cidade vizinha, segundo Lucas Amaro, moradores estão se organizando para entrarem com uma ação judicial contra a prefeitura, de modo a começarem a depositar o IPTU em juízo, quando por ordem judicial os valores são retidos até que a municipalidade cumpra com alguma exigência estabelecida. “É uma medida extrema para uma situação extrema. Simplesmente, não dá mais” – desabafou o morador.


Outro lado

O Tribuna de Vinhedo enviou pedido de respostas às prefeituras de Campinas, Indaiatuba e Vinhedo sobre o pedido dos moradores. Campinas respondeu que “nesse momento não há discussão nesse sentido em nenhuma das pastas da Administração Municipal de Campinas, portanto, não há como se posicionar”. Já as prefeituras de Indaiatuba e Vinhedo não retornaram o pedido de informações até o fechamento desta edição.

277 visualizações

FIQUE ANTENADO !

 Preencha os campos informativos abaixo e fique por dentro das últimas notícias de Vinhedo, Louveira, Valinhos e região. 

© 2019  l  Criado por VA90