• Jornal Tribuna Online

Prefeitos discutem criação do Hospital Metropolitano e ampliação de Viracopos


Prefeitos discutem criação do Hospital Metropolitano e ampliação de Viracopos VINHEDO
Foto: Divulgação.

A construção do Hospital Metropolitano e a expansão do Aeroporto de Viracopos foram pautas das discussões entre os prefeitos na reunião do Conselho da Região Metropolitana de Campinas (RMC), realizada nesta terça-feira, 22, em Sumaré. O prefeito de Vinhedo, Dario Pacheco, defendeu a construção do Hospital Metropolitano. “A construção do Hospital Metropolitano é muito importante para ampliar a oferta de leitos e serviços de saúde para toda a Região Metropolitana. Por isso, damos apoio total a esse projeto”, disse.

O investimento estimado para a obra é de R$ 320 milhões a ser construída pelo Estado em terreno da Unicamp e com entrega prevista em dois anos. Depois de pronta, os custos com a operação da unidade devem ser divididos entre o SUS (Sistema Único de Saúde), as prefeituras da RMC e o governo do Estado. A expectativa é de que o hospital regional ofereça atendimentos eletivos e de urgência e disponha de mais de 300 leitos.

A demanda por uma unidade hospitalar regional é antiga e solicitada há anos pelos prefeitos da região.


VIRACOPOS

Os prefeitos da RMC concordaram que seja mantida a área atual do sítio aeroportuário do Aeroporto de Viracopos, de 27 quilômetros quadrados, o que possibilita a expansão, com a construção de mais duas pistas de decolagem e a instalação de galpões de logística e centro de convenções.

O Ministério da Infraestrutura prevê autorizar apenas metade dessa área, quando for relicitada a concessão, o que deve ocorrer em dois meses.

Os prefeitos acertaram em elaborar um documento a ser enviado à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e à Secretaria Nacional de Aviação Civil ressaltando a importância do Aeroporto de Viracopos.

5 visualizações0 comentário