• Jornal Tribuna Online

Prefeitura cria Nota Fiscal Premiada Vinhedense para incentivar compras no comércio local


Prefeitura cria Nota Fiscal Premiada Vinhedense para incentivar compras no comércio local VINHEDO
Foto: Arquivo Tribuna.

A Prefeitura de Vinhedo criou o programa Nota Fiscal Premiada Vinhedense (NFPV) para distribuir prêmios mensais para os consumidores que fizerem suas compras no comércio da cidade. A lei do NFPV foi aprovada esta semana pela Câmara Municipal e será regulamentada através de decreto municipal. A iniciativa é da Secretaria Municipal de Indústria, Comércio e Agricultura.

“Sabemos que os comerciantes estão passando por grandes desafios com a pandemia e estamos trabalhando, juntos, para criar projetos que buscam ampliar as vendas com a retomada gradual do comércio. Temos que prestigiar os trabalhadores da nossa cidade e construir estruturas sólidas para quando a pandemia estiver sob controle”, disse o prefeito Dario Pacheco.

A nova lei vale para compras realizadas em Vinhedo. “Criamos a lei para incentivar o comércio de Vinhedo, estimulando os consumidores a comprar na cidade. Vinhedo tem um comércio amplo, variado, com preços competitivos e boas condições de pagamento. Queremos que os compradores procurem os produtos nas lojas da cidade, inclusive pelos canais virtuais, antes de comprar fora”, disse o secretário Tiago de Paula.

O secretário explicou que, com a aprovação na Câmara, os detalhes da lei serão discutidos com a Associação Comercial e Industrial de Vinhedo (Acivi) e Secretaria Municipal da Fazenda. “Vamos nos sentar para definir a minuta do decreto que vai regulamentar a lei. Mas queremos que a NFPV já esteja valendo em junho, mês importante para o comércio porque comemora o Dia dos Namorados”, disse.

O consumidor vai poder trocar cada R$ 50,00 em compras com nota fiscal no comércio de Vinhedo por um cupom de sorteio, nos postos de troca da NFPV. Os sorteios serão mensais e os premiados vão receber créditos em cartões, que deverão ser utilizados no comércio de Vinhedo. Todos os cupons continuam valendo para o sorteio especial final, no mês do Natal, com mais prêmios. Pessoas que exercem cargos eletivos e servidores comissionados não poderão participar dos sorteios.

36 visualizações0 comentário