• Jornal Tribuna Online

Entrevista com Nilton Braghetto

O vereador Nilton Braghetto, mais conhecido como Nilton do Foto Nelson, nasceu em Vinhedo, é a 4ª geração da tradicional família Braghetto. Filho de Nelson Nathalino e Helena Albino, que juntamente com outras pessoas de descendência italiana, iniciaram o processo de emancipação da antiga Rocinha. Nilton cresceu vendo seu pai (vereador em 02 mandatos 1965-1969 e 1969-1973) a exercer a arte da fotografia (que aprendeu com seu avô) e seguiu seu legado, ao lado do seu irmão Nelson Roberto (Pitcho), até os dias de hoje. Os irmãos possuem um acervo de imagens históricas desde o início do século passado. Frequentou seus estudos no pré-primário da Escola Cláudio Gomes, depois frequentou o Sesi e concluiu seus estudos na Escola Patriarca. Casado com Elizabete Capovilla, pai de Fioravente (vivo no coração) e de Glória Helena de 14 anos, tem orgulho das raízes e de tudo o que vem conquistando com muito trabalho, esforço e dedicação, tendo Deus na direção e sempre abençoando à sua vida. Desde adolescente, colabora na modalidade do Xadrez, até que no ano de 1996, apresentou na Câmara o projeto “Xadrez nas Escolas Municipais”, que foi aprovado e até hoje não saiu do papel. O futebol, também, é uma das paixões e, no ano passado, conseguiu seu 1º título do Futebol Masters, juntamente com seus companheiros da equipe do Gálatas. Nilton entrou na vida política pela primeira vez em 2012, um ano difícil, pois durante a campanha seu pai adoeceu e veio a falecer. No ano de 2016, se candidatou pela segunda vez, sendo o mais votado da coligação, obtendo 493 votos. Agora, em 2020, passados quatro anos, Nilton se candidatou novamente a vereador, e conquistou a vitória e foi eleito na mesa diretiva como vice-presidente para o biênio 2021 e 2022, porém, com o afastamento do colega até então presidente Rodrigo Paixão, Nilton desde segunda-feira, 14 de junho, assumiu a presidência do Legislativo vinhedense.

Entrevista com Nilton Braghetto VINHEDO
Foto: Divulgação.

Jornal Tribuna (JT): De onde surgiu seu interesse pela política?

Nilton Braghetto (NB): Entrei na vida política talvez um pouco tardio, devido sempre estar ajudando candidatos, como cabo eleitoral em eleições passadas. Porém, quando eleitos não conseguiam cumprir suas promessas e seus projetos. Assim senti a necessidade de me candidatar a vereador e, com a ajuda de um grande amigo, o Adilson de Godói, que me orientou, ensinou e deu direcionamento e me incentivou a entrar na vida política.


(JT): Como você recebeu o resultado da vitória nas urnas?

(NB): Desde o início do ano de 2020, quando na ocasião do ano eleitoral tinha certeza da vitória. Fiz um trabalho que vinha sendo plantado há oito anos e que os frutos foram colhidos com a legitimidade na 13º colocação com 617 votos recebidos. A dedicação, e com um olhar perante à população, sempre bem recebido em todos os lugares que frequentei na minha caminhada, via nos olhos das pessoas uma sensibilidade diferente para uma mudança e a necessidade de apostar na juventude política, trazendo sempre Deus na minha frente.


(JT): Como está sendo o dia a dia nestes primeiros meses como vereador?

(NB): Sempre corrido, intensificando a maioria das demandas das minhas propostas e, também, da população que me procura. Continuo não mudando nada da minha vida profissional e particular, meus hábitos continuam sendo os mesmos e sempre serei o Nilton Foto Nelson.


(JT): Quais são seus principais projetos como vereador?

(NB): São muitos os projetos. Conforme meu Plano de Governo é fazer mais e melhor para às nossas famílias. Buscar uma saúde exemplar, resgatando a imagem da Santa Casa, uma educação de qualidade, a preservação de nascentes, a geração de empregos com capacitação dos jovens para ingressarem no mercado de trabalho, colaborando, assim, com o tão sonhado primeiro emprego. Pensando sempre na coletividade, no bem-estar e conforto da nossa população.


(JT): Como você avalia estes primeiros meses como vereador?

(NB): Sempre aprendendo a cada dia juntamente com a população. Ouvindo, entendo e ficando à disposição para colaborar, sendo sempre um braço direito para a solução dos problemas.


(JT): Para encerrar, há algum lema que o marca ou uma mensagem que gostaria de deixar aos leitores?

(NB): Gostaria que todas as pessoas pensassem como eu: no bem-estar da comunidade, ajudando e colaborando com a nossa querida cidade, ela está acima de todos. Sou nascido no município, minha família chegou no início do século passado e carrego muita estima e carinho por nossa cidade. Adoro minha querida Vinhedo e gostaria de vê-la próspera, isso me deixaria muito feliz. Deixo um recado para aos mais jovens, para que saibam que nossos antepassados contaram com a sorte e com muito trabalho duro, para que Vinhedo chegasse ao ponto que está hoje.

8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo